Dicas para diminuir impostos com planejamento tributário

planejamento tributário

Não é de hoje que a carga dos tributos ser tão elevada no Brasil. Por este motivo, é importante que toda empresa busque maneiras para reduzir custos com impostos de uma forma legal. Desta forma, realizar um planejamento tributário é algo que todo empreendedor deve saber desde a abertura da sua empresa.

Com planejamento tributário, podemos aplicar algumas formas legais que bem executadas podem gerar resultados bastante positivos.

Por este motivo, escrevemos este artigo com dicas que podem ajudar você a reduzir valores pagos de impostos, tornando assim sua empresa mais competitiva.

Regime tributário adequado

Entre os regimes tributários existentes temos o Lucro Real, o Lucro Presumido e o Simples Nacional. São regimes tributários que devem ser levados em consideração quanto a escolha do mais adequado para o momento em que está a empresa.

Muitos empreendedores por desconhecimento consideram o regime do Simples Nacional como o mais apropriado para sua empresa. O que de fato pode não ser.

Com planejamento tributário é possível avaliar faturamento para cada regime de tributação, a atividade econômica exercida pela empresa, margem de lucro, entre outros fatores que podem revelar que um regime pode ser melhor que outro.

É importante entender que com o passar do tempo a situação da empresa pode ter mudado. Assim, a empresa pode optar pelo opção de regime mais vantajoso no início do seu ano fiscal.

É fundamental que o empresário seja mais próximo de seu contador para decidirem juntos o regime mais apropriado para a empresa. A escolha correta pode trazer muitos benefícios, incluindo a redução de custos com impostos.

Incentivos fiscais

Muitos estados fornecem com certa frequência incentivos fiscais, isenção de tributos, entre outros casos para sua empresa.

Quando você opta pelo sistema de tributação errado, cobranças diversas quanto às alíquotas sobre o faturamento podem ser cobradas.

Por este motivo, é de extrema importância ficar atento aos benefícios que surgem para que possa se beneficiar destes casos.

Recuperação tributária

Recuperação tributário trata-se da restituição de impostos, taxas e contribuições que são pagos de forma indevida à Receita Federal ou Estadual.  Caso tenha um benefício que não foi avaliado e tenha sido comprovado você tem direito a esse reembolso.

Desta forma, ter um planejamento tributário eficiente com auxílio de um bom contador, pode auxiliar você nessa questão e contribuir bastante, já que possibilitará ter redução de custos.

Terceirização de serviços

Cada vez é mais comum empresas terceirizando serviços internos. O motivo principal pela terceirização é a economia no pagamento dos impostos. Isso ocorre pois diminui obrigações trabalhistas quando ao invés de realizar pagamento para funcionários (CLT) eu realizo pagamento para terceiros.

Dividir empresa

Ao dividir a empresa em várias diferentes, sendo cada empresa responsável por alguma tarefa da empresa, é possível escolher regimes diferentes e que sejam mais benéficos para cada uma delas.

Como deve ter percebido, com um planejamento tributário a sua empresa tem grandes possibilidades de pagar menos impostos. Lembrando que sempre é importante ter um profissional capacidade sobre o tema que possa te auxiliar a realizar um bom planejamento tributário. Busque sempre contadores experientes e comprometidos com o crescimento da sua empresa. Isso é fundamental para você ter mais sucesso.

Gostou deste conteúdo? Então comente e compartilhe.

Dicas para escolher um (bom) contador para seu negócio

bom contador

Sem sombra de dúvidas, uma das áreas mais importante para a saúde do seu negócio é a Contabilidade. Afinal, o escritório de contabilidade é responsável por fazer todos os registros contábeis da empresa. Além de cuidar de toda a documentação, abertura e fechamento da empresa, e apoio na saúde e crescimento do seu negócio.

Sendo assim, contratar um contador não é uma opção, é uma obrigação. O que muitos empreendedores tem que cuidar nesse processo é a escolha entre um bom e um mau profissional contábil.

Por esta razão, precisamos encontrar o contador ideal. E para isso, é necessário entender o que se espera dele. Apenas a função burocrática? Alguém que ajude no planejamento tributário para pagar menos impostos? Um assessor que dê suporte nas decisões financeiras? Com isso em mente, a escolha ficará mais fácil.

Por este motivo, escrevemos esse artigo com dicas para escolher um bom escritório de contabilidade para direcionar a situação econômico-financeira da sua empresa.

Escolhendo um escritório de contabilidade

Como já sabemos, toda empresa precisa de um contador. Dessa forma, é recomendado iniciar buscas por profissionais contábeis. E uma das formas mais comuns para encontrar escritórios de contabilidade é realizando pesquisas na internet.

Também, é muito comum solicitar indicações de outros empresários. Pedir para uns cinco ou seis empreendedores quem faz a contabilidade deles é uma excelente ideia. Converse com eles e peça se estão satisfeitos com os serviços prestados do seu contador. Solicite que tipo de serviço recebem, quanto pagam e como é a comunicação com esse contador.

Outra ideia é realizar uma visita nesses escritórios de contabilidade para verificar a organização do local, a quantidade de funcionários. Além de conversar com o contador responsável para avaliar sua competência, proatividade, etc.

Uma boa prática, é solicitar ao escritório uma breve relação de clientes para procurar referências. Assim terá uma maior certeza ao fazer sua escolha.

Acompanhamento dos serviços do escritório

Independentemente de ter um escritório de contabilidade ou não, é importante um empresário conhecer os tributos e os encargos que incidem na sua empresa e acompanhar o recolhimento dos valores.

Ele deve solicitar periodicamente à empresa contábil a certidão negativa dos principais órgãos (Receita Federal, Receita Estadual e Prefeitura Municipal), que é um dos indicativos de que a empresa não possui pendências.

É essencial acompanhar de perto o trabalho que este profissional vem fazendo. Não deixe de fazer reuniões com o contador. Elas podem ser presenciais ou à distância.

Reuniões frequentes é a melhor forma de esclarecer todas as suas dúvidas. Além de saber detalhadamente de que forma ele vem prestando serviços que realmente ajudam na gestão do seu negócio.

Crescimento

Quando um empreendedor visa o crescimento da sua empresa precisa ter conhecimento profundo sobre a situação econômica e financeira do seu negócio. E é aí que entra o contador, pois ele deve ser encarado como um parceiro valioso na gestão da sua empresa e não uma obrigação.

A aproximação de empresário e a contabilidade no crescimento da empresa é muito importante para uma melhor compreensão dos custos e das despesas da empresa, além da rentabilidade do capital investido. Com essas informações, o empreendedor pode direcionar melhor suas decisões e suas estratégias.

Além do que foi citado, um bom contador poderá orientar o empresário a escolher o regime de tributação mais adequado para o negócio para redução de carga tributária. Por isso, escolher uma boa assessoria contábil é fundamental nesse processo.

Exija mais 

Todo contador fará, pelo menos, os serviços básicos de contabilidade. Alguns exemplos são: abertura e fechamento de empresa, elaboração do contrato social, cálculo dos tributos, emissão das guias de impostos, pró-labore dos sócios, balanço patrimonial, demonstração de resultados, etc.

Além dos serviços básicos, um bom contador poderá ajudar a sua empresa muito além do básico. Ele poderá apontar a necessidade de recursos financeiros, analisar o nível de endividamento, fazer gestão de riscos, análises financeiras, entre outros serviços.

Além disso, o contador poderá orientar o empreendedor sobre a forma correta de contratar, gerir e demitir funcionários, para evitar eventuais passivos trabalhistas.

Certifique-se que o escritório de contabilidade está regularizado

Maioria dos empresários, não pesquisam pela regularidade do escritório de contabilidade. Sempre que possível, verifique se o escritório atua de forma regularizada no mercado.

Em resumo, verifique se o profissional está registrado no CRC (Conselho Regional de Contabilidade). Basta entrar no site do CRC, buscar a região onde a empresa atua e consultar o nome do contador ou do escritório.

Entre em contato com os clientes do contador

Entrar em contato com os clientes do escritório de contabilidade, é uma forma de avaliar se os serviços prestados por eles são realmente de qualidade.

Afinal, um cliente que se sentiu insatisfeito ou foi prejudicado pelo contador jamais irá indicá-lo a outros empresários. Portanto, não deixe de pesquisar pela avaliação dos clientes do contador.

Visite o escritório

Realize visitas aos escritórios de contabilidade que deseja contratar. Conheça a estrutura do ambiente de trabalho e verifique se não há comportamentos estranhos ou questionáveis.

Além disso, poderá encontrar comportamentos antiprofissionais. Dessa forma, muito provável que este contador não seja o mais indicado para sua empresa. O escritório de contabilidade precisa ser um ambiente sério e profissional.

Muita atenção ao contrato

Se você está contratando um contador, é fundamental estar muito atento ao contrato firmado entre você e o profissional. Sendo assim, leia cada cláusula e verifique quais são os serviços que o contador está se comprometendo a prestar para o seu negócio.

Quando NÃO contratar um contador?

Caso você faça uma pesquisa e note que outros clientes do contador não indicam os serviços desse profissional ou dessa empresa, é melhor passar longe.

Provavelmente, essas pessoas não indicam os serviços porque foram prejudicados. O contador é quem ajuda na tomada de decisões da sua empresa e, por isso, é importante fugir dos maus profissionais que não trabalham de forma ética.

Qual é a sua opinião sobre esse artigo? Deixe um comentário!

5 coisas que você não sabe sobre seu contador

Existem algumas coisas que provavelmente você não saiba sobre o seu contador. Listamos 5 delas para conhecer.
 
1. Não cuido só de impostos, burocracia e coisas chatas. Na verdade, eu posso ser um divisor de águas na tomada de decisão da sua empresa.
 
2. Você não conhece sua empresa se você não conhece seus números. Sem um contador consultor ao seu lado, que te mostra o caminho, você ficará como está: perdido, míope, andando de lado, sem chegar a lugar nenhum.
 
3. O Contador não é um mal necessário como muitos dizem por aí. Eu sou como um médico para sua empresa. Eu analiso a saúde do seu negócio e indico qual é o melhor remédio que você precisa para crescer.
 
4. Eu não sou um custo para você. Na verdade, o contador certo pode economizar muito dinheiro para sua empresa e ao mesmo tempo te faz gerar mais caixa. Inclusive, geração de caixa é fruto de uma fórmula científica que eu domino. Você está quebrando a cabeça para aumentar o resultado da sua empresa, mas saiba que eu enxergo coisas que você não enxerga e posso te ajudar com isso.
 
5. Nós fazemos um trabalho que parece chato, mas chato mesmo é o governo. Ele cobra 258 taxas e burocracias diferentes e nós é que sofremos com isso. Tudo para aliviar o seu sofrimento (imagine se você que tivesse que lidar com isso?). Nós somos um escudo sem o qual sua empresa já teria perdido a “cabeça”.
 
Você já conhece a contabilidade consultiva? A contabilidade consultiva é o verdadeiro propósito da Ciência Contábil, a Ciência da Riqueza.